Busqueda Avanzada
Buscar en:
Título
Autor
Cuento
Ordenar por:
Mas reciente
Menos reciente
Título
Categoría:
Cuento
Categoría: Hechos Reales

Solidão...

Que sentimento é este, que nos faz tão impotentes e desnecessários? Porque sentimos este grande vazio dentro do nosso coração? Enfim, porque ele tem que existir em nossas vidas? A princípio não tenho respostas, mais com certeza sei do que estou falando. Sinto na pele e na alma, este tão cruel sentimento.É um misto de tristeza, de rejeição, de saudade e de angústia.Somando todos estes ítens, formamos a palavra "solidão".Vivo neste momento esta palavra e não desejo pra ninguém o que estou sentindo.Dói saber que não se é amada.Ainda mais quando o nosso coração persiste em amar um alguém.Alguém que só nos mostra indiferença e desprezo.Gostaria de ouvir a voz de uma pessoa me dizendo, que sou importante em sua vida.Mais o telefone não toca.Tudo ao meu redor é só silencio.Posso sentir as batidas de meu coração tão alta, que às vezes me assusto.Olho para o tempo buscando sentido para a minha existência e não vejo senão, a inesgotável fonte de insignificância aos que me rodeiam.Sinto-me frágil e sem vida.Minhas forças estão se acabando e a vontade de viver também.Misturo lágrimas à sorrisos e tento levar esta tão sofrida situação.Minha cabeça gira em torno de lembranças e mais triste e vazia vou ficando.Cadê aquele sorriso aberto e aquela emoçao, de viver cada momento pleno e cheio de satisfações? Sinto que não terei mais essa experiência em minha vida.Tudo se alternou, tudo se acabou como lenha em uma fogueira.Restaram apenas cinzas.É isso, minha vida agora se resume nestas cinzas.Um momento em que eu reclamava de saudade, de solidão e da tão cruel distância, hoje me faz refletir que não tinha nem noção do que estava passando.Estava me sentindo viva e hoje estou sentindo na pele o gosto amargo deste sentimento que pensei estar vivendo à dias atrás.Agora sim, estou na mais completa solidão.Não tenho um amor e nem a sensação de pensar que estaria sendo amada.Silêncio é tudo o que se faz presente em minha vida.Somente o silêncio, nada mais.Vontade de ir em busca de algo que me faça sentir bem, não existe mais.Tudo não passou de um lindo sonho.Hoje percebo o pesadelo que se instalou em minha vida.Se alojou e não tem mais vontade de sair.Preciso de alguma coisa e ainda nem sei o que é.Então só me resta curtir este abominável sentimento. E fingir que ainda estou viva.Lágrimas e vazio, são os meus parceiros neste momento.
Datos del Cuento
  • Categoría: Hechos Reales
  • Media: 4.87
  • Votos: 79
  • Envios: 1
  • Lecturas: 2694
  • Valoración:
  •  
Comentarios


Al añadir datos, entiendes y Aceptas las Condiciones de uso del Web y la Política de Privacidad para el uso del Web. Tu Ip es : 54.198.55.167

0 comentarios. Página 1 de 0
Tu cuenta
Boletin
Estadísticas
»Total Cuentos: 20.118
»Autores Activos: 132
»Total Comentarios: 11.726
»Total Votos: 908.419
»Total Envios 41.545
»Total Lecturas 37.467.240